Enxugue as Lágrimas (Liberta-me, Brasil)

Ana Paula Nóbrega

exibições 26.490

Ao que está abatido
Tão sedento, faminto
Se sente abandonado
Carente, esquecido
Procurando um amigo
Buscando ser compreendido
Enxugue as lágrimas
Enxugue as lágrimas

Ao que se sente ferido
Aquele que foi traído
E se vê desamparado
Por esse mundo perdido
Do temeroso e oprimido
Que necessita de auxilio
Enxugue as lágrimas
Enxugue as lágrimas

Toca, Senhor
Faz o que só o
Senhor, pode fazer
Liberta, Senhor
Jesus, teu nome tem todo poder

Muda da morte pra vida
Da dor pra alegria
Ao que precisa
Faz viver

Tu és o pão pro faminto
Libertador dos cativos
O pai dos desamparados
Remédio para os feridos
Que conta com os teus filhos
Pra devolverem ao mundo
A esperança, a esperança

Tu és o pão pro faminto
Libertador dos cativos
O pai dos desamparados
Remédio para os feridos
Que conta com os seus filhos
Pra devolverem ao mundo
A esperança, a esperança