Festa Profana / Samba da Estácio

Flamengo

exibições 15.330

O rei mandou cair dentro da folia
E lá vou eu (e lá vou eu)
O sol que brilha nessa noite vem da ilha
Lindo sonho que é só meu

(Vem amor)
Vem, vem amor!
Na poesia nesse mar de amor
Na fantasia, vem colorir
Que a vida tem mais cor
Vem na magia
Me leva nesse mar de amor
Vem, me abraça mais
Que eu quero é mais
O teu coração

Vou sacudir a força jovem da cidade
Eu vou tomar um porre de felicidade
Vou sacudir a força jovem da cidade

Êh! Boi ápis
Lá no maraca, festa da raça
Êh! Boi dadi, bebe sem mágoa
Você pensa que esse time é água?
(É primavera)
É primavera!
Lá no maraca é a raça que lidera
Oh! Que beleza!
Mais um golaço do guerrero de cabeça

Oi joga água que é de cheiro
Confete e serpentina
Vou dar porrada na torcida vascaina

Samba da estácio

O céu rasgou
Na noite que reluzia
Um show de estrelas
Brilhou nos olhos
De um novo dia
(A poesia)
A poesia
Enfeitada de luar
Encantou o estácio (ó paixão)
Paixão que arde sem parar

(É, é, é)
É mengo tengo
No meu quengo é só flamengo
Uh! Tererê
Sou flamengo até morrer

Seis jovens remadores
Fundam o grupo de regatas
Campeão o seu destino (ô)
É ganhar em terra e mar
Fazendo sol
Pode queimar, pode chover
Vou ver fla-flu
Fla-vas vou ver
Diamante negro, fio maravilha
Domingos da guia, zizinho, pavão
Gazela negra
Corre o tempo no olhar
Será que você lembra
Como eu lembro o mundial
Que o zico foi buscar
Só amor
Na alegria e na dor (ô ô)
Parabéns dessa galera
Cem anos de primavera

Cobra coral
Papagaio vintém
Vesti rubro-negro
Não tem pra ninguém

Add a playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir