100 Años

Pasaste a mi lado
Con cruel indiferencia
Tus ojos ni siquiera
Voltearon hacia mi

Te vi sin que me vieras
Te hable sin que me oyeras
Y toda mi amargura, se ahogó
Dentro de mi

Me duele hasta la vida
Saber que me olvidaste
Pensar que mil desprecios
Meresca yo de ti

Y sin embargo sigues
Unida a mi existencia
Y si vivo cien años
Cien años pienso en ti

Pasaste a mi lado
Con cruel indiferencia
Tus ojos ni siquiera
Voltearon hacia mi

Te vi sin que me vieras
Te hable sin que me oyeras
Y toda mi amargura, se ahogó
Dentro de mi

Me duele hasta la vida
Saber que me olvidaste
Pensar que mil desprecios
Meresca yo de ti

Y sin embargo sigues
Unida a mi existencia
Y si vivo cien años
Cien años pienso en ti

100 Anos

Passou ao meu lado
Com muita indiferença
Teus olhos mesmo
Olharam pra mim

Vi você sem que me visse
Falei-te sem que me ouvisse
E toda a minha tristeza se afogou
Dentro de mim

Doe-me até a vida
Saber que me esqueceu
Pensar que nem despreço
Eu merecer de você

E embora continua
Unida à minha existência
E se vivo cem anos
Cem anos penso em você

Passou ao meu lado
Com muita indiferença
Teus olhos mesmo
Olharam pra mim

Vi você sem que me vesse
Falei-te sem que me ouvisse
E toda a minha tristeza se afogou
Dentro de mim

Doe-me até a vida
Saber que me esqueceu
Pensar que nem despreço
Eu merecer de você

E embora continua
Unida à minha existência
E se vivo cem anos
Cem anos penso em você

Original Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir