exibições 290

A Cidade e Eu

Pedro Moreno


No vazio da noite
A cidade e eu
Somos tão iguais
Em nossa solidão
Tua ausência vadia
É um cão que vigia
O quintal da saudade
Em uma rua em mim
Tua ausência me invade
Pelas frestas da cidade
Dobrando as esquinas
Do meu ser sem dono
No corpo do abandono
Meu amor
Minha alma espera por ti
Acorda a manhã
Aos olhos de Lisboa
E eu desperto ao sonho
De te ver mais uma vez
No barco dessa ilusão
Quem sabe o vento da saudade
Te traga ao porto
Do meu coração

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir

Posts relacionados

Ver mais no Blog