Silêncio, atotô..atotô..atotô ooo
Suas flores sagradas são deborô
Que limpam meu corpo e tiram a minha dor
Sua palha divina é seu ajê,
Orixá poderoso obaluaê

Silêncio atotô, atotô, atotô

Senhor da terra,
Senhor da vida,
Senhor da chaga,
Senhor da partida…

Seu nome santo
Me faz refletir
Da vida o que levo
E o que deixo aqui,

Silêncio, atotô, atotô, atotô

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir