Repentless

Arrogance, violence, world in disarray
Dealing with insanity every fuckin’ day
I hate the life, hate the fame, hate the fuckin’ scene
Pissing match of egos, fuck their vanity
Ain’t got the time, I don’t want anything from you
Feeding on my tolerance is all you fuckin’ do
No looking back, no regrets, no apologies
What you get is what you see

Live fast, on high
Repentless, let it ride
My songs relive the atrocities in the world
Can’t take society any fuckin’ more
Intensity, anarchy, hatred amplified
Playing this shit is all that keeps me alive
I leave it all on the road living on the stage
This is my life where I kill it everyday
So take you shot, bottom’s up, this is no lie
I’ll be beating this guitar ’til the day I die

Live fast, on high
Repentless, let it ride
I hate the life, hate the fame, hate fuckin’ scene
Pissing match of egos, fuck their vanity
Ain’t got the time, I don’t want anything from you
Feeding on my tolerance is all you fuckin’ do
No looking back, no regrets, no apologies
What you get is what you see
We’re all killing ourselves a little more everyday
Live fast, on high
Repentless, let it ride

Sem Arrependimentos

Arrogância, violência, mundo em desordem
Lidando com a insanidade a cada porra de dia
Eu odeio a vida, odeio a fama, odeio a porra da cena
Mijando nos jogos de egos, foda-se sua vaidade
Não tenho tempo, eu não quero nada de você
Alimentar-se de minha tolerância é toda merda que você faz
Sem olhar para trás, sem arrependimentos, nenhum pedido de desculpas
O que você consegue é o que você vê

Viva rápido, nas alturas
Sem arrependimentos, deixe a seguir
Minhas músicas revivem as atrocidades
Não posso aceitar a sociedade nem a merda de um pouco mais
Intensidade, anarquia, ódio amplificado
Tocar esta merda é tudo o que me mantém vivo
Deixo tudo na estrada, vivendo no palco
Esta é minha vida onde eu à mato todos os dias
Então você toma uma dose, vire todas, isso não é mentira
Eu vou estar surrando esta guitarra até o dia que eu morrer

Viva rápido, nas alturas
Sem arrependimentos, deixe a seguir
Eu odeio a vida, odeio a fama, odeio a porra do cenário
Mijando nos jogos de egos, foda-se sua vaidade
Não tenho tempo, eu não quero nada de você
Alimentar-se da minha tolerância é toda merda que você faz
Sem olhar para trás, sem arrependimentos, nenhum pedido de desculpas
O que você consegue é o que você vê
Estamos todos nos matando um pouco mais a cada dia
Viva rápido, nas alturas
Sem arrependimentos, deixe a seguir

Original Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir
Composição: Kerry King · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por Lucas, Traduzida por Edson, Legendado por Dean
Viu algum erro na tradução? Envie sua correção.