Tô lembrando da estrada
Onde o tempo não é nada
E não se dorme, não se vê a luz do dia
Eu tô lembrando do momento de levantar acampamento
E deixar para trás o que tiver de deixar

Tô lembrando da estrada
Onde o tempo não é nada
E não se dorme, não se vê a luz do dia
Eu tô lembrando do momento de levantar acampamento
E deixar para trás o que tiver de deixar

Abre a cortina
Cai o pano
Levanta a lona
Poltrona da janela
Abre a cortina
Cai o pano
Levanta a lona
Poltrona da janela

Tô lembrando da estrada
Onde o tempo não é nada
E ninguém dorme, ninguém vê a luz do dia
Eu tô lembrando do momento de levantar acampamento
E deixar para trás o que tiver de deixar

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir

Posts relacionados

Ver mais posts