Deixa Que Eu Me Arrumo

Alcione

exibições 8.246

Não adianta mesmo que seja com promessa ou com jeitinho
Eu já não quero mais saber dos teus carinhos
Porque não sei se amanhã tem outra vez

Não adianta já não me basta uma cantada e uma cerveja
E esse teu papo de amor quando me beija
Isso é errado pode crer meu coração tem suas leis

É porque prá mim viver assim não faz sentido
Porque meu ciclo com você tá concluido
Não quero mais viver das sobras da paixão, doce ilusão

É é bobagem perdoar quem não perdoa
Prá quem o choro da mulher é coisa a toa
Nada mais que simples chuva de verão

Deixa, deixa que sozinha eu me arrumo
Cedo ou tarde sem você eu me acostumo
Eu sei que tudo nesta vida tem um fim, melhor assim

Deixa o teu ciúme é pura vaidade
Porque é melhor não ter ninguém que só metade
Pobre de quem tiver você depois de mim, depois de mim

Não adianta já não me basta uma cantada e uma cerveja
E esse teu papo de amor quando me beija
Isso é errado pode crer meu coração tem suas leis

É porque prá mim viver assim não faz sentido
Porque meu ciclo com você tá concluido
Não quero mais viver das sobras da paixão, doce ilusão

É é bobagem, perdoar quem não perdoa
Prá quem o choro da mulher é coisa a toa
Nada mais que simples chuva de verão

Deixa, deixa que sozinha eu me arrumo
Cedo ou tarde sem você eu me acostumo
Eu sei que tudo nesta vida tem um fim, melhor assim

Deixa o teu ciúme é pura vaidade
Porque é melhor não ter ninguem que só metade
Mas pobre de quem tiver você depois de mim, depois de mim

Deixa, deixa que sozinha eu me arrumo
Cedo ou tarde sem você eu me acostumo
Eu sei que tudo nesta vida tem um fim, melhor assim...

Add a playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir