Foto do artista Ana Moura

Hoje Tudo Me Entristece

Ana Moura


Hoje tudo é triste em mim
Como se toda a tristeza
Emanasse o meu peito

Breve presságio do fim
Que me sustenta a certeza
Do coração já desfeito

Breve presságio do fim
Que me sustenta a certeza
Do coração já desfeito

Hoje tudo me entristece
Tudo ensombra o meu olhar
Mais que ansioso do teu

Mas se em sorte me coubesse
O coração resgatar
Que em teus olhos se perdeu

Mas se em sorte me coubesse
O coração resgatar
Que em teus olhos se perdeu

Hoje a tristeza não deixa
Te afundar seus longos traços
No meu rosto descuidado

Pois sem uma simples queixa
Eu vou voltar aos teus braços
Para se cumprir nosso fado

Pois sem uma simples queixa
Eu vou voltar aos teus braços
Para se cumprir nosso fado

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir