Foto do artista Banda Namastê

Sonhos, Canções E Versos

Banda Namastê


Sonhos, canções e versos
Rostos, lembranças, restos
De outros dias de outros carnavais

Contido em tanto excesso
Exagero no gesto
Alegria de não caber mais

Fosse tão longa espera
Barcos longe do cais
Horizontes, vastos desiguais

Anjos do céu eterno
Calor do frio no inverno
Diferentemente tão iguais

Longe pra sempre perto
Lugares de onde eterno
Velhos dias nunca mais iguais

Posto que é fim já era
Ficam ontens pra trás
Inícios erram por outros finais

E por você
Descobri azul do céu
Luzes a me guiar
Vento a favor do mar

E a incerteza parece desaparecer (Refrão)

Fosse tão longa espera
Barcos longe do cais
Horizontes, vastos desiguais

E por você
Descobri azul do céu
Luzes a me guiar
Vento a favor do mar

E a incerteza parece desaparecer (Refrão)

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir