Eu sempre fui a fim de revolução
Me metia em tudo só pra ver
As coisas se transformarem
Pra ver o mundo mudar de cara.
Desde o beatnik, flores nos cabelos,
Movimento hippie,
Toda aquela transa transcedental:
Paz, amor, yoga,
Cultura indiana, alimentação natural.
Me desdobrava pra ser um cara legal,
Já não tão normal.
Cansado da paz plástica que o mundo me dava,
Resolvi ser violento, punk,
Quiz até ser político.

Revolução com armas e canhões,
Brigadas sacos de areia nas ruas.
Lutar contra quem nunca se viu,
Esquecendo que o inimigo
É o seu próximo.

Arame farpado separando as pessoas!
Nas fronteiras já vejo todos prontos
Pra matar e morrer.
Será que a resposta está na morte de muitos?
Será solução: a violência?

Foi quando parei e pude entender:
Revolução que eu sempre procurava
Está no Cristo, Filho de Deus.
E esta canção é pra aqueles
Que não entendem Jesus,
E criticam os que o entendem.

Revolução está no Nome de Deus,
Seu Filho Jesus que agora conheci
Me libertou das cadeias e dos enganos
Deste mundo, que sabe muito bem como iludir.

Revolução está no Nome de Deus,
Seu Filho Jesus, Espírito Santo,
Fogo do céu me libertou de vez!

O aleluia,
Fogo do céu me libertou de vez!

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir

Posts relacionados

Ver mais posts