Quando dá louca
Sai e bate a porta
E dá motivo pro vizinho comentar
Que a gente vive num eterno vai-e-volta
Não temos vergonha, já ouvi falar

Mas quando os outros falam
Sei que é preconceito
Amor igual ao nosso não vejo defeito
Eu só confio nela e nela só vou confiar
Eu ponho a mão no fogo
Sem medo de me queimar

Já me disseram que ela é má companhia
Mas é fofoca, isso é perseguição
Prefiro ter ela do que a cama vazia
Entre nós dois quem manda é a paixão

Ela pode ser perdida
Mas eu sempre acho ela
Pode até ser malfalada
Mas eu falo a língua dela
Dizem que ela faz programa
Mas eu sou o programa dela
Se ela for mulher da vida
Dou minha vida por ela

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir