tradução automática via Revisar tradução

Namer Of Clouds

There was a time when all was know
Of hour skies was danger and divine
Small boys town’s face up press to the glass
He understands and need to define

Changing shapes the calles uncommon
Shadow’s coast as winds collide
Tries to explain it words not yet rhythm
But name’s to face we need to define

To gave a name to something fleeting
A sign words to speak loud
To gave a extra word the meaning
Became the namer of clouds

Is this trunks and making a mark
Sculpting clay and shaping the stones
This woman need to named the sublime
Trought desire to bring sky close

To gave a name to something fleeting
A sign words to speak loud
To gave a extra word the meaning
Became the namer of clouds

How did weeped come some boat
Sees the heaven’s claim control
We are alway steps away
From a flozing feet of clay

How did weeped come some boat
Sees the heaven’s claim control
We are alway steps away
From a flossing feet of clay

Became the namer of clouds (winds collide, shaping the stones)
Namer of clouds (claim control)
Namer of clouds (danger and divine)
Namer of clouds (winds collide)

Namer De Nuvens

Houve um tempo quando tudo de neve
Sobre os céus era perigo e divino
Pequenos garotos da cidade com a face para cima pressionam para o vidro
Ele entende e precisa definir

Mudando formas as chamadas não são
Costa da sombra como ventos colide
Tenta explicá-lo palavras ainda não ritmo
Mas o nome é para enfrentar precisamos definir

Para dar um nome a algo fugaz
Um sinal de palavras para falar alto
Para dar uma palavra a mais, o significado
Tornou-se o namer das nuvens

Isso é troncos e fazendo uma marca
Sculpiting clay e shapping as pedras
Essa mulher precisa nomear o sublime
Trought desejo de aproximar o céu

Para dar um nome a algo fugaz
Um sinal de palavras para falar alto
Para dar uma palavra a mais, o significado
Tornou-se o namer das nuvens

Como veio um barco?
Vê o controle de reivindicação do céu
Estamos sempre a passos
De pés flutuantes de barro

Como veio um barco?
Vê o controle de reivindicação do céu
Estamos sempre a passos
De pés flutuantes de barro

Tornou-se o namer de nuvens (ventos colide, shapping as pedras)
Namer of clouds (controle de reivindicação)
Namer de nuvens (perigo e divino)
Namer of clouds (winds colide)

Original Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Enviar

Posts relacionados

Ver mais posts