Vem cá de qualquer maneira
Balança minha roseira
Me bate de brincadeira
Me chama de traiçoeira

Me tranca na geladeira
Apaga a minha fogueira
Promete qualquer besteira
Que eu fico toda faceira

Tortura essa brasileira
Me arranha com a pulseira
Me enforca na trepadeira
Pendura minha chuteira

Menino,mas que zoeira
Cadê meu advogado?

Eu tô que tô

La luz a la media boca
Besame mucho loca
Não,isso não
Me dá coceira

Vem cá minha compoteira
Balança essa pasmaceira
Me bate com a cabideira
Me chama de lavadeira

Não grita,não dá bandeira
Periga marcar bobeira
Quebrei o pá da cadeira
Cuidado com a cristaleira

Segura,me deu gagueira
Eu juro que é verdadeira
Desfarça e chama a enfermeira
Tá dando uma tremedeira

Mamãe,viva o zé pereira
Cadê meu advogado?

Eu tô que tô

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir