El Viejo Del Sombreron

Dicen que es vino tinto
Pero es un rojo uva mi carrito
Es un último modelo
Que siempre va conmigo a donde quiera voy mi carrito
Por que el es mi compañero ese carrito es mi vida
De el nunca he tenido quejas
Cuando consigo a una chica
El me lleva a donde quiera
Cuando consigo a una chica
El me lleva a donde quiera.

¡Señorita a la orden la llevo!
No gracias estoy esperando al viejo del sombreron
Uy no me diga que tipo tan afortunado
Ay llego vera.

¡El viejo de sombreron!
Ese viejo si es rebuena
¡El viejo de sombreron!
Para conseguir mujeres
¡El viejo de sombreron!
Será que tiene secreto
¡El viejo de sombreron!
Ese viejo si la mueve.

Voy a comprarme un sombrero
Un sombreo bien jalón
Pa' hacerle la competencia
Al viejo del sombreron
Señorita de mi alma
Tengo una preocupación
¿Por que esta tan entregada al viejo del sombreron?

Lo que pasa es que una gota de agua sobre una piedra hace un orificio
Ese viejo tiene su carrito y cada vez que pasa se sonríe conmigo
Va de largo, se regresa si me encuentra parada en la puerta
Me lanza un piropo y me toca el pito
Va de largo, se regresa si me encuentra parada en la puerta
Me lanza un piropo y me toca el pito
Pipipi es a cada ratito que pasa el viejito y me toca el pito
Pipipi es a cada ratito que pasa el viejito y me toca el pito
Pipipi siempre vivo pendiente
Pipi cuando el viejo me toca
Pipipi siempre vivo pendiente pi pi cuando el viejo me toca
Pipipi ya me tiene mareada con el pi pi con el pi pi con el pi pi
Con el pi pi me toca el pito pi pi me tiene mareada con el pi pi.

O Velho do Chapelão

Dizem que é um vinho tinto
Mas o meu carrinho é vermelho uva
É o último modelo
Que sempre vai comigo aonde eu quiser, meu carrinho
Porque ele é meu companheiro, esse carrinho é minha vida
Nunca tive do que me queixar
Quando consigo uma garota
Ele me leva aonde eu quiser
Quando consigo uma garota
Ele me leva aonde eu quiser

Senhorita, à suas ordens, levo você!
Não, obrigada, estou esperando o velho do chapelão
Ui, não me diga! Que cara mais sortudo
Ele chegou, viu?

O velho do chapelão!
Esse velho sim é o bicho
O velho do chapelão!
Para arranjar mulher
O velho do chapelão!
Será que tem segredo?
O velho do chapelão!
Esse velho tem a manha

Vou comprar um chapéu
Um chapéu bem grande
Que é pra competir
Com o velho do chapelão
Senhorita do meu coração
Estou preocupado
Por que está tão entregue ao velho do chapelão?

Acontece que água mole em pedra dura tanto bate até que fura
Esse velho tem um carrinho e toda vez que passa, sorri pra mim
Passa direto, volta se me encontrar parada no portão
Me lança uma cantada e aperta a buzina
Passa direto, volta se me encontrar parada no portão
Me lança uma cantada e aperta a buzina
Bibibi! É toda vez que o velhinho passa e buzina
Bibibi! É toda vez que o velhinho passa e buzina
Bibibi! Fico sempre sem jeito
Bibibi! Quando o velho mexe comigo
Bibibi! Fico sempre sem jeito, bibi! Quando o velho mexe comigo
Bibibi! Fico logo tonta com o bibi! Com o bibi! Com o bibi!
Com o bibi! Buzina pra mim, bibi! Eu fico tonta com o bibi!

Original Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir