Tan Importante

Laura Pausini

exibições 4.661

Tan Importante

Uno y otro día
siento el tiempo que se escapa entre mis manos y
persiguiendo voy
mis pensamientos los deseos
que sin reglas y algo amargos tuve junto a ti
los recordarás
como si hubiese sido solo un sueño
que vivimos esos meses únicos
y no buscarte más.

Mas no es tan importante
un instante solo de melancolía
resbalando en las miradas de la gente
caminando indiferente, vida mía.

Culpa de un verano
del perfume de una noche de un momento que...
que nunca olvidaré.
Guiados del deseo de sentirnos
de repente siempre más cercanos
casi quemándonos.
Ya es demasiado tarde, ni lo pienses
no es momento de olvidar y renacer
de no buscarte más

Mas no sé qué es importante
si fiarme o no fiarme de ti
de ese rostro tan impreso aquí en mi mente,
no lo sé, pero pienso siempre en ti.
Nada existe
que me borre el recuerdo de ti
tu mirada soñadora y diferente
dónde estás, dime, ahora dónde estás.

Y regreso en un instante a mi presente
pienso que todavía estás aquí.

Eres tú tan importante
mírame, necesito de ti
en tus ojos veo agua transparente
como un río que se pierde sobre mí.

Tão Importante

Um dia e outro
Sinto o tempo que foge entre as minhas mãos e
Vou perseguindo
Os meus pensamentos, os desejos
Que sem regras e algo amargo tive com você
Lembrarei deles
Como se tivesse sido só um sonho
Que vivemos esses meses unicos
E não te procurar mais

Mas não é tão importante
Só um momento de melancolia
Escorregando nos olhares das pessoas
Caminhando indiferente, vida minha.

Culpa de um verão
Do perfume de uma noite de um momento que...
Que nunca esquecerei,
Levados pela vontade de nos sentir
De repente sempre mais próximos
Bem próximos
Agora é muito tarde, nem pense
Não é momento de esquecer e renascer
E não te procurar mais

Mas não sei o que é importante
Se me confiar ou não me confiar em você
Desse rosto tão impresso aqui na minha mente
Não sei, mas pendo sempre em você
E não há nada
Que me apague as lembranças de você
Teu olhar sonhador e diferente
Onde estás, me diga, agora onde estás.

E num instante volto ao meu presente
E penso que todavia você está aqui

Você é tão importante
Olha para mim, eu preciso de você
Nos seus olhos eu vejo água transparente
Como um rio que se perde em mim.