Mi Tengo

Laura Pausini

exibições 75.292

Mi Tengo

Mi tengo molto più di quel che perdo
Io lascio andare te, non il ricordo
Mi tengo gli anni quelli dell'incanto
Verranno gli altri poi te li racconto

Perché con te ho imparato che felici
Lo si è senza un miracolo
Con te guardare dalla stessa parte
Era già quello uno spettacolo
E poi ho capito che dorme di meno
Chi ama un po' di più

Mi tengo certi brividi alla schiena
Perché fermarli non ne val la pena
Mi tengo pure una ferita aperta
Di aver ragione cosa me ne importa?

Perché non c'è una colpa da cercare
Se non c'è nessun colpevole
C'è solo un'altra strada da trovare
Non c'è il forte e non il debole
Ma mentre tu dormivi io spiavo il cielo

Vedevo stelle alzarsi
Sulle punte e puntarle su te
Fino a riempire la stanza
Della luce più bella che c'è
Fino a riempire la vita della luce più bella
Mi tengo le cose che hai detto alla porta
La fitta sul petto e i fiori di carta

Perché non c'è una colpa, c'è una fine
E in mezzo il bene che rimane

Mi tengo la tua rabbia, se ti pare
La mia, ti giuro, l'ho lasciata andare
Se siamo stati parte di uno sbaglio
Ma a volte anche qualcosa di un po' meglio

Guardo

Guardo mais do que perdo
Abro mão de você, não da lembrança
Guardo os anos, os do encanto
Virão os outros, assim, depois te conto

Porque com você aprendi que felizes
O é sem um milagre
Com você, olhar da mesma parte
Isso já era um espetaculo
E então entendi que dorme pouco
Quem ama um pouco mais

Guardo certos arrepios na espinha
Porque deter eles não vale a pena
Guardo mesmo uma ferida aberta
De ter razão o que me importa?

Porque não tem uma culpa a procurar
Se não há algum culpado
Há apenas uma outra estrada pra encontrar
Não tem o forte e não o fraco
Mas enquanto você dormia eu espiava o céu

Via estrelas subirem
Nas pontas e mirarem em você
Até encherem o quarto
Com a luz mais linda que existe
Até encher a vida da luz mais linda
Guardo as coisas que você falou na porta
A puntada no peito e as flores de papel

Porque não há uma culpa, há um fim
E no meio disso o bem permanece

Guardo a sua raiva, se quiser
A minha, te juro, eu deixei ela ir
Se fomos parte de um erro
Todavia às vezes também algo de um pouco melhor

Composição: Matteo Bassi / Niccolò Agliardi / Simone Bertolotti · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por Daniela, Traduzida por mariah, Legendado por Laiza e Maurílio
Viu algum erro na tradução? Envie sua correção.