Quero uma cerveja gelada
E um maço de Derby amassado
Pra tentar dar uma disfarçada
E acreditar que ela é passado

Seu Antônio, cê é meu amigo
O seu bar é minha segunda casa
Cê tem me tratado como um filho
Me dando esse remédio pra lágrimas

Me traz uma dose em dobro
Que hoje pra enxugar meu choro
Não vai ser no lenço
Vai ser puxando o rodo

Me traz outra dose em dobro
Que hoje pra enxugar meu choro
Não vai ser no lenço
Vai ser puxando o rodo

Seu Antônio, cê é meu amigo
O seu bar é minha segunda casa
Cê tem me tratado como um filho
Me dando esse remédio pra lágrimas

Me traz uma dose em dobro
Que hoje pra enxugar meu choro
Não vai ser no lenço
Vai ser puxando o rodo

Me traz outra dose em dobro
Que hoje pra enxugar meu choro
Não vai ser no lenço
Vai ser puxando o rodo

Me traz uma dose em dobro
Que hoje pra enxugar meu choro
Não vai ser no lenço
Vai ser puxando o rodo

Me traz outra dose em dobro
Que hoje pra enxugar meu choro
Não vai ser no lenço
Vai ser puxando o rodo

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir
Composição: Bruno Caliman / Raffa Torres · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por Ghelfi, Legendado por Laiane
Viu algum erro na letra? Envie sua correção.