exibições 8.824

Samba Enredo 2006

Mancha Verde


A ópera vai começar, ô, ô, ô
Bem-aventurada, Guerreira,
A Mancha chegou!

A grande ópera vai começar, ô, ô, ô
Bem-aventurada, Guerreira,
A Mancha chegou!

Uma estrela brilhou,
Apontou que um milagre aconteceu.
Mesmo desde o ventre perseguido
O Rei dos reis nasceu
O mal na forma de um grande dragão
Se espalhou e nos homens incitou
O ódio Àquele que pregou o amor
Foi crucificado, mas ressuscitou.

É preciso fé para o gigante da ganância cair
Perseverar, lutar não desistir... Resistir!

A paz vai florescer como sonharam
Homens de Deus que se entregaram
Por ver o fim do sofrer
O mundo em união, como irmãos

Olha e vê o fim do preconceito
Pois liberdade é um direito
Que não tem raça e não tem cor
Glória aos negros que mudaram a história
E estão vivos na memória
Cessando toda uma era de dor

O mundo não vai me calar
Injustiças não vão me deter
Da cinzas se renasce para a vitória
Na adversidade se aprende a crescer
São fatos que descrevem nossa história
O verde é a razão do meu viver

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir