Samba Enredo 2018: A Amizade. A Mancha Agradece do Fundo do Nosso Quintal

Mancha Verde

exibições 16.414

Debaixo da tamarineira
Um lindo sonho se torna real
Pandeiro, cavaco, tantan e repique
No puro balanço, um banjo imortal
Na benção da nossa madrinha
Vou caciqueando na avenida
Nesse castelo de cera
Bebeto é o rei, está numa boa

Se arruma Irene que o mapa da alegria
Hoje é na terra da garoa

Oxóssi caçador, o dono da mata
É força, axé, São Sebastião!
Okê! Okê arô! Ao dono da mata
Meu samba é fé, é religião!

E na batucada dos nossos tantans
Sublime poesia invade as manhãs
Nesse palco iluminado
Nosso grito, uma canção de amor
Um canto de felicidade que ao mundo encantou
A amizade eternizou um laço de união, somos verdade
Quero chorar o seu choro
E ver lá no céu seu sorriso
Valeu por você existir amigo

Nesse terreiro de bamba
Quero mais é sambar
Sou Mancha Verde, o show vai continuar
Sua história, é o meu carnaval
Obrigado no fundo do nosso quintal

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir
Composição: Darlan Alves / Gui Cruz / Marcelo Casa Nossa / R.Silva / Rodrigo Minuetto / Sereno / Vitor Gabriel · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por Victor
Viu algum erro na letra? Envie sua correção.