exibições 4.028
Foto do artista Mark Morton

Cross Off (feat. Chester Bennington)

Mark Morton


Cross Off (feat. Chester Bennington)

Cross off the days gone
Cross off the days gone
Gone by

Wasting away
Our self inflicted slow decay
What should have been, what never was
Became the end for both of us

Heavy is the hand that points the finger (finger)
Heavy is the heart that's filled with anger (anger)

So lay them all to waste
Years you decided to erase
And cross off the days

So black out and hide behind the lines
Keep staring down the sun and hope the
Light will finally blind your eyes from seeing
Cross off the days gone by
Cross off the days gone by
Cross off the days gone by

Cutting you free
The phantom limb was part of me
You have lived, you have lost
The separation's worth the cost

Heavy are the words that go unspoken (spoken)
Heavy are the promises now broken (broken)

Will you learn to love the taste
Of the destruction in your wake?
Cross off the days

So black out and hide behind the lines
Keep staring down the sun and hope the
Light will finally blind your eyes from seeing
Cross off the days gone by
Cross off the days gone by
Cross off the days gone

Gone by

Making my way back from the madness
Shifting my thoughts from the blackness
And the sadness, but the fact is
I'm swinging through words like a clenched fist
Fuck sanity, I wanna bleed
Can't kill the pain
It's everything
It's all I feel
It's what I breathe
Through the hate I breed into what I need

Heavy is the hand that points the finger (finger)
Heavy is the heart that's filled with anger (anger)

Did you survey everything you laid to waste?
And cross off the days

So black out and hide behind the lines
Keep staring down the sun and hope the
Light will finally blind your eyes from seeing
Cross off the days gone by
Cross off the days gone by
Cross off the days gone by

Riscar (part. Chester Bennington)

Risque os dias que passaram
Risque os dias que passaram
Passaram

Desperdiçando
Nosso lento declínio auto-infligido
O que deveria ter acontecido e o que não deveria
Se tornou o fim para nós dois

Pesada é a mão que aponta o dedo (dedo)
Pesado é o coração que está cheio de raiva (raiva)

Então, deixe-os todos para trás
Os anos que você decidiu apagar
E risque os dias

Então desmaie e se esconda atrás dos limites
Continue encarando o sol esperando que
A luz finalmente cegue seus olhos
Risque os dias que passaram
Risque os dias que passaram
Risque os dias que passaram

Libertando
O membro fantasma que fazia parte de mim
Você viveu, você perdeu
A separação valeu o custo

Pesadas são as palavras não ditas (ditas)
Pesadas são as promessas agora quebradas (quebradas)

Você aprenderá a amar a sensação
Da destruição iminente?
Risque os dias

Então desmaie e se esconda atrás dos limites
Continue encarando o sol esperando que
A luz finalmente cegue seus olhos
Risque os dias que passaram
Risque os dias que passaram
Risque os dias que passaram

Se foram

Trilhando meu caminho de volta da loucura
Transformando meus pensamentos através da escuridão
E da tristeza, mas o fato é que
Estou oscilando entre palavras como um punho cerrado
Foda-se a sanidade, eu quero sangrar
Não consigo matar a dor
Ela é tudo
É tudo que sinto
É o que respiro
Transformo o ódio que criei no que eu preciso

Pesada é a mão que aponta o dedo (dedo)
Pesado é o coração que está cheio de raiva (raiva)

Você avaliou bem tudo que desperdiçou?
Você risca os dias

Então desmaie e se esconda atrás dos limites
Continue encarando o sol esperando que
A luz finalmente cegue seus olhos
Risque os dias que passaram
Risque os dias que passaram
Risque os dias que passaram

Original Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir
Composição: Chester Bennington / Mark Morton / Josh Wilbur · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por Débora, Traduzida por Erick, Legendado por Camila
Viu algum erro na tradução? Envie sua correção.