Idolatrada

Milton Nascimento

exibições 4.582

Grande é grande a tua coragem, o teu amor
Tu és o fogo, o vento, chuva da manhã
Vá, não acendas a fera doida que existe em mim
Tu és mulher, cuidas da casa e da família
Mas não és da ribeira

Amaldiçoas a minha vida, tu nao vês
Que meu destino é de cigano e sonhador
A minha bota cheia de medo silêncio e pó
Por aí segue caminho, segue sozinha
Suja e verdadeira

Idolatrada amiga destino mulher
Amigos tive, amigos tenho e terei
Eu sou em casa, eu sou no mundo o que eu sou
Tu não vês que nossa vida é nosso filho
Da cor brasileira

Add a playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir
Composição: Fernando Brant / Milton Nascimento · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por Ananda
Viu algum erro na letra? Envie sua correção.