Eu tô querendo tô, tacar foco nessa ''muié''
Essa danada não me larga, não desgruda do meu pé
Eu tô querendo tô, tacar fogo nesse bandida
Só não taco que se eu taco, minha vida tá perdida

Não tem quem aguenta
Mulher ciumenta que vive de marcação
Muito grudenta, 24 horas tá querendo atenção

Me liga toda hora
Quer que eu vá embora não
Me deixa eu jogar bola com os meus amigos

Finge estar doente
Sei que está carente não
Tem mais a cervejinha de domingo

Eu tô querendo tô, tacar foco nessa ''muié''
Essa danada não me larga, não desgruda do meu pé
Eu tô querendo tô, tacar fogo nesse bandida
Só não taco que se eu taco, minha vida tá perdida

Eu tô querendo tô, tacar foco nessa ''muié''
Essa danada não me larga, não desgruda do meu pé
Eu tô querendo tô, tacar fogo nesse bandida
Só não taco que se eu taco, minha vida tá perdida

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir