Dona Inocência

Nei Lopes

exibições 1.023

Abaixo da sub-gerência
É Dona Inocência quem manda:
Ô, saravá sua banda!

A gerência da minha existência
É d'Aquele lá de cima
E quem manda na sub-gerência
É Dona Divergência de Araújo Lima
Mas se um dia sou Divergência
Outro eu sou Inocência de Rocha Miranda...
Ô, saravá sua banda!

Abaixo da sub-gerência...

Divergência é minha previdência
Meu imposto atrasado
Competência na subsistência
Fiel na freqüência do supermercado
No açougue, ela exige, pechincha
E até chama na chincha o Manuel da quitanda...
Ô, saravá sua banda!

Abaixo da sub-gerência

Inocência é além dos meus planos:
O que eu não posso, ela faz
Me garante, sem perdas e danos
Recursos humanos, serviços gerais
Com ela e Dona Divergência
Desculpe a Gerência, eu sou o rei de Aruanda...
Ô, saravá sua banda!

Add a playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir
Composição: Eliseu Do Rio / Nei Lopes · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por igor
Viu algum erro na letra? Envie sua correção.