Veja falhei
Era a distância de um braço e falhei
Era tirar um pedaço e deixei
Era partir pro abraço e fiquei
Olhando os patos no lago
Lá eu

Pião sem eira nem beira, lá eu
Corro sem mira na pista, cá eu
Busco por ti aqui dentro e me vou
Solto na reta de sempre

Cá eu: conto carneiros no parque
Só eu: fico cantando em silêncio
Lá eu: pinto quadros na memória

Conto carneiros no sonho
Fico cantando bobagens
Pinto quadros que dissolvem
Enquanto a terra gira, giro junto e me vou

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir