Por onde anda teu olhar
Que era um lunar pros olhos meus
A me fitar faziam juras
Mas na lonjura se perdeu
Por certo anda em devaneios
Pelos rodeios da existência
Ou quem sabe é a luz que encanta
Essas bailantas da querência
Se noutro baile eu te rever
Dance comigo por favor
E se adiantar vou te dizer
Que é todo teu o meu amor
Sei que teu peito é sem patrão
Teu coração é um potro alado
Mas teu sorriso é uma maneia
Que cabresteia meus afagos
O teu perfume eu sinto ainda
E nunca finda essa vontade
De novamente te encontrar
Para matar minha saudade
Se noutro...

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir
Composição: Angelo Marques / Leo Ribeiro De Souza / Ricardo Marques · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por Eliane
Viu algum erro na letra? Envie sua correção.