Donde Esta El Amor

Pablo Alborán

exibições 48.958

Donde Esta El Amor

No hace falta que me quites la mirada
Para que entienda, que ya no queda nada
Aquella luna que antes nos bailaba
Se ha cansado y ahora nos da la espalda

¿Dónde está el amor, del que tanto hablan?
¿Por qué no nos sorprende, y rompe nuestra calma?

Déjame que vuelva a acariciar tu pelo
Déjame que funda tu pecho en mi pecho
Volveré a pintar de colores el cielo
Haré que olvides de una vez el mundo entero

Déjame tan solo que hoy roce tu boca
Déjame que voy a detener las horas
Volveré a pintar de azul el universo
Haré que todo esto solo sea un sueño

Tengo contados
Todos los besos que nos damos
Y tú fugitiva, andas perdida en otro lado
Yo no quiero caricias de otros labios, no
No quiero tus manos en otras manos
Porque yo, quiero que volvamos a intentarlo

¿Dónde está el amor, del que tanto hablan?
¿Por qué no nos sorprende, y rompe nuestra calma?

Déjame que vuelva a acariciar tu pelo
Déjame que funda tu pecho en mi pecho
Volveré a pintar de colores el cielo
Haré que olvides de una vez el mundo entero

Déjame tan solo que hoy roce tu boca
Déjame que voy a detener las horas
Volveré a pintar de azul el universo
Haré que todo esto solo sea un sueño

Donde esta el amor

Déjame que vuelva a acariciar tu pelo
Déjame que funda tu pecho en mi pecho
Volveré a pintar de colores el cielo
Haré que olvides de una vez el mundo entero

Déjame tan solo que hoy roce tu boca
Déjame que voy a detener las horas
Volveré a pintar de azul el universo
Haré que todo esto solo sea un sueño

Onde Está o Amor?

Não me falta que me tire o olhar
Para que entenda que já no resta nada
Aquela lua que antes nos dançava
Se cansou e agora nos vira as costas

Onde está o amor de que tanto falam?
Por que não nos surpreende, e acaba com nossa calma?

Me deixa acariciar seu cabelo novamente
Me deixa cobrir seu peito no meu peito
Voltarei a pintar as cores do céu
Farei que esqueça de uma vez o mundo inteiro

Me deixa apenas tocar sua boca hoje
Me deixa fazer das suas horas eternas
Voltarei a pintar o universo de azul
Farei que tudo isso seja só um sonho

Tenho contado
Todos os beijos que nos damos
E você fugitiva, anda perdida em outro lado
Eu não quero caricias de outros lábios
Não quero suas mãos em outras mãos
Porque eu, quero que voltemos a tentar

Onde está o amor, de que tanto falam?
Por que não nos surpreende, e acaba com nossa calma?

Me deixa acariciar seu cabelo novamente
Me deixa cobrir seu peito no meu peito
Voltarei a pintar as cores do céu
Farei que esqueça de uma vez o mundo inteiro

Me deixa apenas tocar sua boca hoje
Me deixa fazer das suas horas eternas
Voltarei a pintar o universo de azul
Farei que tudo isso seja só um sonho

Onde está o amor

Me deixa acariciar seu cabelo novamente
Me deixa cobrir seu peito no meu peito
Voltarei a pintar as cores do céu
Farei que esqueça de uma vez o mundo inteiro

Me deixa apenas tocar sua boca hoje
Me deixa fazer das suas horas eternas
Voltarei a pintar o universo de azul
Farei que tudo isso seja só um sonho

Composição: Pablo Alborán · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por Manoel, Traduzida por EMANUELLE, Legendado por Quel
Viu algum erro na tradução? Envie sua correção.