Deixe ela viver; pai, tu tens poder, se assim por bem achar
Nossa bonequinha, mesmo remendada, tem valor demais
Deixe ela viver, não por um capricho egoísta meu
Que ela seja tua, seja bem mais tua que de qualquer um

E se for pra tua glória, livra ela dessas dores
Pode até deixar as marcas, elas falam
Sobre as lutas e o tamanho da vitória
Só se for pra tua glória, que ela viva em abundância
Pra contar aos quatro ventos
Traduzir a bela história do amor que a salvou

Deixe ela viver, ela é nossa flor que alegra o jardim
Sempre colorindo, sempre perfumando quem por perto está
Deixe ela viver, ouve a oração dos seus amigos
Nós sabemos pouco, tudo entregamos em tuas mãos, meu Deus

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir