Foto do artista Roberta Flack

Killing Me Softly With His Song

Roberta Flack


Killing Me Softly With His Song

Strumming my pain with his fingers
Singing my life with his words
Killing me softly with his song
Killing me softly with his song
Telling my whole life with his words
Killing me softly with his song

I heard he sang a good song
I heard he had a style
And so I came to see him
To listen for a while
And there he was, this young boy
A stranger to my eyes

Strumming my pain with his fingers
Singing my life with his words
Killing me softly with his song
Killing me softly with his song
Telling my whole life with his words
Killing me softly with his song

I felt all flushed with fever
Embarrassed by the crowd
I felt he found my letters
And read each one out loud
I prayed that he would finish
But he just kept right on

Strumming my pain with his fingers
Singing my life with his words
Killing me softly with his song
Killing me softly with his song
Telling my whole life with his words
Killing me softly with his song

He sang as if it he knew me
In all my dark despair
And then he looked right through me
As if I wasn't there
But he was there, this stranger
Singing clear and strong

Strumming my pain with his fingers
Singing my life with his words
Killing me softly with his song
Killing me softly with his song
Telling my whole life with his words
Killing me softly with his song

Strumming my pain with his fingers
Singing my life with his words
Killing me softly with his song
Killing me softly with his song
Telling my whole life with his words
Killing me softly with his song

Matando-me Delicadamente Com Sua Canção

Dedilhando minha dor com seus dedos
Cantando minha vida com as suas palavras
Matando-me delicadamente com sua canção
Matando-me delicadamente com sua canção
Contando minha vida inteira com suas palavras
Matando-me delicadamente com sua canção

Ouvi dizer que ele cantou uma canção boa
Ouvi dizer que ele tinha um estilo
E assim cheguei a vê-lo
Para ouvir por um tempo
E lá estava ele, este menino
Um estranho aos meus olhos

Dedilhando minha dor com seus dedos
Cantando minha vida com as suas palavras
Matando-me delicadamente com sua canção
Matando-me delicadamente com sua canção
Contando minha vida inteira com suas palavras
Matando-me delicadamente com sua canção

Eu me senti toda vermelha de febre
Embaraçado pela multidão
Senti que ele encontrou minhas cartas
E cada um lê em voz alta
Rezei para que ele acabasse
Mas ele apenas permaneceu correto

Dedilhando minha dor com seus dedos
Cantando minha vida com as suas palavras
Matando-me delicadamente com sua canção
Matando-me delicadamente com sua canção
Contando minha vida inteira com suas palavras
Matando-me delicadamente com sua canção

Ele cantou como se me conhecesse
Em todo o meu desespero obscuro
E então ele olhou através de mim
Como se eu não estivesse lá
Mas ele estava lá, esse estranho
cantando claro e forte

Dedilhando minha dor com seus dedos
Cantando minha vida com as suas palavras
Matando-me delicadamente com sua canção
Matando-me delicadamente com sua canção
Contando minha vida inteira com suas palavras
Matando-me delicadamente com sua canção

Dedilhando minha dor com seus dedos
Cantando minha vida com as suas palavras
Matando-me delicadamente com sua canção
Matando-me delicadamente com sua canção
Contando minha vida inteira com suas palavras
Matando-me delicadamente com sua canção

Original Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir
Composição: Charles Fox / Norman Gimbel · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por Clovis, Traduzida por Thaiz
Viu algum erro na tradução? Envie sua correção.