Great Romances Of The 20th Century

Taking Back Sunday

exibições 1.850

Great Romances Of The 20th Century

September never stays this cold
Where I come from, and you know
I'm not one for complaining (I'm not one for complaining)
But I love the way you'd roll
Excuses off the tip of your tongue
As I slowly fall apart (slowly, quietly, slowly)
Fall apart

This won't mean a thing come tomorrow
And that's exactly how I'll make it seem
Cause I'm still not sleeping
Thinking I've crawled home from worse than this

So please, please (please)
I'm running out of sympathy (I'm running out of sympathy!)
And I never said I'd take this
I never said I'd take this lying down

She says
Come on, come on, let's just get this over with
She says
Come on, come on, let's just get this over with
(I never said I'd take this lying down, let's just get this over with
and I've crawled home from worse than this)
She says
Come on, come on, let's just get this over with
She says
Come on, come on

(You always come close but this never comes easy)
I still know everything
(You always come close but you never come easy)
I still know everything
(This always comes close but you never come easy)
I still know everything
(You always come so close)
I still know everything, I still know everything, I still know

You always come close but this never comes easy
You always come close but you never come easy
You always come... you come in close

(I never said I'd take this lying down)
I never said I'd take this lying down
But I've crawled home from worse than this
If it's not keeping you up nights
(Then what's the point?)
Then what's the point?
(Then what's the point?)
Then what's the point?

I'm in your room
Is this turning you on
Am I turning you on?

I'm in your room
Are you turned on?
I'm on the corner of your bed
I'm thinking maybe
Are you turned on
Are you turned on?

Grandes Romances do Século 20

Setembro nunca fica tão frio assim
E do jeito que eu sou, você sabe
Eu não sou de ficar reclamando
Mas eu adoro o jeito que desculpas
Se desenrolam da ponta da sua língua
Enquanto eu lentamente me quebro em pedaços (lentamente, silenciosamente, lentamente)
Quebro em pedaços

Isso não vai significar nada amanhã
E é exatamente com isso que farei parecer
Porque ainda não estou dormindo
Pensando que rastejei pra casa de um lugar pior que este

Então por favor, por favor (por favor)
Minha simpatia está acabando
Eu nunca disse que aceitaria isso
Eu nunca disse que aceitaria isso sem reagir

Ela diz
Vamos, vamos, vamos acabar com isso de uma vez
Ela diz
Vamos, vamos, vamos acabar com isso de uma vez
(Eu nunca disse que aceitaria isso sem reagir, vamos acabar com isso
E eu rastejei pra casa de um lugar pior que este)
Ela diz
Vamos, vamos, vamos acabar com isso de uma vez
Ela diz
Vamos, vamos

(Você sempre chega perto mas isso nunca chega fácil)
Eu ainda sei tudo
(Você sempre chega perto mas você nunca chega fácil)
Eu ainda sei tudo
(Você sempre chega perto mas isso nunca chega fácil)
Eu ainda sei tudo
(Você sempre chega tão perto.)
Eu ainda sei tudo, eu ainda sei tudo, eu ainda sei

Você sempre chega perto mas isso nunca chega fácil
Você sempre chega perto mas isso nunca chega fácil
Você sempre chega... Você chega perto

(Eu nunca disse que aceitaria isso sem reagir)
Eu nunca disse que aceitaria isso sem reagir
Mas eu me rastejei pra casa de um lugar pior que este
Se não está ficando acordada nas noites
(Então qual é o propósito?)
Então qual é o propósito?
(Então qual é o propósito?)
Então qual é o propósito?

Eu estou no seu quarto
Isso está te excitando?
Eu estou te excitando?

Eu estou no seu quarto
Você excitada?
Eu to no canto da sua cama
Eu to pensando, talvez
Você está excitada?
Você está excitada?

Composição: Adam Lazzara / John Nolan / Taking Back Sunday · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por liara, Traduzida por Raissa
Viu algum erro na tradução? Envie sua correção.