Bitter Sweet Symphony

The Verve

exibições 747.441

Bitter Sweet Symphony

'Cause it's a bitter sweet symphony, that's life
Trying to make ends meet, you're a slave to money then you die
I'll take you down the only road I've ever been down
You know the one that takes you to the places where all the veins meet, yeah

No change, I can change, I can change, I can change
But I'm here in my mould, I am here in my mould
But I'm a million different people from one day to the next
I can't change my mould, no, no, no, no, no
(Have you ever been down?)

Well, I've never prayed, but tonight I'm on my knees, yeah
I need to hear some sounds that recognize the pain in me, yeah
I let the melody shine, let it cleanse my mind, I feel free now
But the airwaves are clean and there's nobody singing to me now

No change, I can change, I can change, I can change
But I'm here in my mould, I am here in my mould
And I'm a million different people from one day to the next
I can't change my mould, no, no, no, no, no
(Have you ever been down?)
I can't change it you know, I can't change it

'Cause it's a bitter sweet symphony, that's life
Trying to make ends meet, trying to find some money then you die
I'll take you down the only road I've ever been down
You know the one that takes you to the places where all the veins meet, yeah

You know I can change, I can change, I can change, I can change
But I'm here in my mould, I am here in my mould
And I'm a million different people from one day to the next
I can't change my mould, no, no, no, no, no
I can’t change my mould, no, no, no, no, no
I can’t change my mould, no, no, no, no, no
You’ve gotta change my mould, no, no, no

(It’s just sex and violence, melody and silence)
(Gotta, can’t change my violence, melody and silence)
(Gotta can’t change my violence, melody and silence)
(I’ll take you down the only road I've ever been down)
(Gotta, can’t change my violence, melody and silence)
(I'll take you down the only road I've ever been down)
(Gotta, can’t change my violence, melody and silence)

(Been down)
(Ever been down)
(Can’t change my violence, melody and silence)
(Ever been down)
(Ever been down)
(Ever been down)

(Have you ever been down?)
(Have you ever been down?)
(Have you ever been down?)
(Have you ever been down?)
(Have you ever been down?)

(Lord, yeah, babe, Lord, Lord, take me on my way
Takes me, now, yeah)

Sinfonia Agridoce

Pois essa vida é uma sinfonia agridoce
Tentando fazer as coisas darem certo, você é um escravo do dinheiro até morrer
Eu vou te levar pela única estrada que já segui
Você sabe, aquela que te leva aos lugares onde todas as veias se encontram

Sem mudanças, posso mudar, posso mudar, posso mudar
Mas estou aqui no meu molde, estou aqui no meu molde
Mas eu sou um milhão de pessoas diferentes de um dia para o outro
Não consigo mudar meu molde, não, não, não, não, não
(Você já esteve triste alguma vez?)

Bem, eu nunca rezei, mas esta noite estou de joelhos, sim
Preciso ouvir alguns sons que identifiquem a dor em mim, sim
Deixo a melodia brilhar, deixo-a limpar minha mente, eu me sinto livre agora
Mas as ondas do ar estão limpas e não há ninguém cantando para mim agora

Sem mudanças, posso mudar, posso mudar, posso mudar
Mas estou aqui no meu molde, estou aqui no meu molde
Mas eu sou um milhão de pessoas diferentes de um dia para o outro
Não consigo mudar meu molde, não, não, não, não, não
(Você já esteve triste alguma vez?)
Não consigo mudar, você sabe, não consigo mudar

Pois essa vida é uma sinfonia agridoce
Tentando fazer as coisas darem certo, você é um escravo do dinheiro até morrer
Eu vou te levar pela única estrada que já segui
Você sabe, aquela que te leva aos lugares onde todas as veias se encontram

Você sabe que eu posso mudar, posso mudar, posso mudar, posso mudar
Mas estou aqui no meu molde, estou aqui no meu molde
Mas eu sou um milhão de pessoas diferentes de um dia para o outro
Não consigo mudar meu molde, não, não, não, não, não
Não consigo mudar meu molde, não, não, não, não, não
Não consigo mudar meu molde, não, não, não, não, não
Você tem que mudar meu molde, não, não, não

(É apenas sexo, violência, melodia e silêncio)
(Tenho que, não posso mudar minha violência, melodia e silêncio)
(Tenho que, não posso mudar minha violência, melodia e silêncio)
(Eu vou te levar pela única estrada que já segui)
(Tenho que, não posso mudar minha violência, melodia e silêncio)
(Eu vou te levar pela única estrada que já segui)
(Tenho que, não posso mudar minha violência, melodia e silêncio)

(Estive triste)
(Já estive triste)
(Não posso mudar minha violência, melodia e silêncio)
(Já estive triste)
(Já estive triste)
(Já estive triste)

(Você já esteve triste alguma vez?)
(Você já esteve triste alguma vez?)
(Você já esteve triste alguma vez?)
(Você já esteve triste alguma vez?)
(Você já esteve triste alguma vez?)

(Senhor, sim, querida, Senhor, Senhor, leve-me pelo meu caminho
Leve-me, agora, sim)