Prazer Carnal

Tom Zé

exibições 6.314

Prazer carnal,
Querem te afastar do amor;
Como sinal
De chama e chuva, enxofre e sal
Sacode a fera em fúria animal.

Mas apesar de toda essa vergonha
Com ele ainda a alma sonha
Fiar a renda, cuja lenda
Deus há de cifrar,
Fiar a renda, lenda,
Será deus quem decifrar.

É quase um vintém;
Quando a faísca vem,
Só depois a tempestade
Arrebenta o cais
E arrebenta mais,
Pois o amor
É a coisa mais linda
Quando o vento traz.
Pois o amor
É a coisa mais linda
Quando o vento traz.

Se a mulher cultiva essa vibração
Até
Se no casamento da paixão,
Será desvairada, possessa e meretriz,
Uma louca varrida e sem juiz.

Céu, tão grande o céu
Estrelas que são de ninguém
Mas que são minhas
E de você também
Sobre você também

Mas apesar de toda essa vergonha
Com ele ainda a alma sonha
Fiar a renda cuja lenda
Deus há de cifrar.
Fiar a renda, lenda,
Será deus quem decifrar.

Pois o amor
É a coisa mais linda
Quando o vento traz.
Pois o amor
É a coisa mais linda
Quando o vento traz.

Add a playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir