Mistaken

Foolish was i to have believed you
Insufferable acts did i endure
I never betrayed, never deceived you
Was always behaved, ever demure
So long to all the poetry of emotion
It's crumpled up and strewn upon the floor
So long to all the sunflowers in my garden
For they'll not taste the raindrops anymore

Betrayed by your whispered lullabies and empty cries
The lake damming up all my solemn pride has left me dry
Forsake all of the thousand counterfeit sighs
You fake it
You make it that i was mistaken

Sanctity fled beyond retrieval
The church of my heart was not enough
I cannot believe you'd be so evil
Devotion besieged and left to rust
So long to all the harmony of emotion
She left before we could settle up the score
So long to all the violets in my garden
For they'll not see the sunlight anymore

Betrayed by your whispered lullabies and empty cries
The lake damming up all my solemn pride has left me dry
Forsake all of the thousand counterfeit sighs
You fake it
You make it that i was mistaken

Too many signs ignored
Beneath the rose are always thorns
And sleeping beauty never will awaken
Now wasted time and fairytales are all i see within your name
And every way i ever was mistaken

Enganado

Foi insensato eu ter acreditado em você
Atos insuportáveis ​​eu suportei
Eu nunca traí, nunca te enganei
Era sempre se comportada, sempre recatada
Tanto tempo para toda a emoção da poesia
Que está amassada e espalhada no chão
Tanto tempo para todos os girassóis em meu jardim
Para eles não provarem mais as gotas de chuva

Traído por suas canções de ninar sussurradas e gritos vazios
O lago represando todo o meu orgulho solene me deixou seco
Abandone todos os mil suspiros falsificados
Você finge
Você fez com que eu estivesse enganado

Santidade fugiu para além de recuperação
A igreja do meu coração não foi suficiente
Eu não posso acreditar que você seria tão mau
Devoção sitiada e deixou a ferrugem
Tanto tempo para toda a emoção da harminia
Ela saiu antes que pudéssemos acertar o placar
Tanto tempo para todas as violetas em meu jardim
Para elas não verem mais a luz do sol

Traído por suas canções de ninar sussurradas e gritos vazios
O lago represando todo o meu orgulho solene me deixou seco
Abandone todos os mil suspiros falsificados
Você finge
Você fez com que eu estivesse enganado

Muitos sinais ignorados
Sob a rosa estão sempre espinhos
E a bela adormecida nunca vai despertar
Agora tempo perdido e contos de fadas são tudo que eu vejo no seu nome
E todas as maneiras eu sempre estive enganado

Original Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir
Composição: Amanda Somerville / Sascha Paeth. Essa informação está errada? Nos avise.


Posts relacionados

Ver mais no Blog