exibições 1.898

Privacidade
Propriedade
Proibida

Uma rede imensa
Super vigilância
Omnipresente
Omniciente

Quem não deve, não teme
Abre-me o teu coração
Em liberdade, fala verdade
Eu sou o teu Grande Irmão

Sei onde tu estás
Sei sempre onde tu estás
O que sentiste
O que tu fazes
O que pensarás
Quem vive, quem morre
Quem come, e quem passa fome
Passa tudo pela minha mão
Agradece ao Grande Irmão

Quem não deve, não teme
Abre-me o teu coração
Em liberdade, fala verdade
Eu sou o teu Grande Irmão

Sei onde tu estás
Sei sempre onde tu estás
Sei onde tu estás
Sei sempre onde tu estás
Tu estás na minha mão
Eu sou o Grande Irmão

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir

Posts relacionados

Ver mais no Blog