exibições 2.929

Me canto, Minha arma

Zé Vicente


O tempo é pesado, eu sei
Há fome de pão e de paz
Não é este o país que eo sonhei
Tá demais!
Já chega de medo e mentiras
Violência e roubo à nação
O sim é só para a verdade
O resto é não!

E eu vou por aí com meu canto
Abrindo estradas
Quebrando encantos
Rompendo as barreiras do coração
Rasgando mentiras e ilusão
Meu canto é arma, eu sei
E há tempos estou na luta

Quem diz que a dor é eterna
Que o cego não pode enxergar
Que a sorte é que nos governa
Vejam lá
Os raios do sol batem forte
A gente sabe, já vê
A força do amor vence a morte
Faz viver!

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir