Sabrina

Abril

exibições 16.328

Acendo um cigarro, olho para o lado vejo você
Em meio a tanta gente agitada sem saber o porque
Do lado uma cidade tão sem graça e sem nada pra fazer
Procuro o fim do mundo em um segundo pra tentar te esquecer

O dia tá escuro e eu procuro um meio de te dizer
Que a vida ta cansada e eu não agüento esse jogo de perder
O tempo dessa onda já passou da conta e eu não sei porque
Procuro no escuro uma razão para tentar te entender

Você ganhou,
E eu que tenho que ouvir você dizer
Que tudo que eu fiz não valeu nada

Não tenho medo de você
Você não tem medo de mim
Sentado e longe de você
Não fico até o fim
Eu disse tudo pra valer
Mas você não me disse sim

Me diz que não dá bola, joga fora, que nunca vai ceder
Achou que entendia e não queria mais saber de entender
Olhou para o meu olho tanto tempo e fez questão de dizer
Que aquilo não valia, que eu sabia e que era pra esquecer

E eu que tenho que ouvir você dizer
Que tudo que eu fiz não valeu nada

Não tenho medo de você
Você não tem medo de mim
Sentado e longe de você
Não fico até o fim
Eu disse tudo pra valer
Mas você não me disse...

Não tenho medo de você
Você não tem medo de mim
Sentado e longe de você
Não fico até o fim
Eu disse tudo pra valer
Mas você não me disse sim

Add a playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir