Ao olhar para mim me vejo tão ferida
Marcada por erros, imperfeições da minha natureza
Sei que o pai me olha através do teu sangue
Que me dá cobertura
Se colocando sobre os meus pecados

O melhor que já fiz
Foi me entregar a ti
E deixar que tudo fosse feito novo
Tudo novo

Quando eu olho pra ti
Eu esqueço quem sou
O teu sangue me dá
Nova identidade no senhor
És a ponte que me traz
Pra mais perto do pai
E as correntes que antes me machucavam
Hoje não existem mais

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir