Quantas vezes declarei Te amar como me amas
E, ao falhar eu me frustrei, até mesmo me condenei
Me lembrei daquela noite quando Pedro Te negou
E depois quis retornar ao lugar em que fracassou

Mas o Senhor foi lá de manhã e o resgatou
Diante da fogueira, o amor e o pecador
O fogo que revela a impureza é o mesmo purificador
Vem me queimar, Senhor

Não desista de mim, os Teus braços me alcançam
Não desista de mim, Tua doce voz me chama
Como corresponder à altura desse amor?
Mesmo assim, o Senhor desce ao nível desse pecador
Vem me resgatar, Senhor

Mas o Senhor foi lá de manhã e o resgatou
Diante da fogueira, o amor e o pecador
O fogo que revela a impureza é o mesmo purificador
Vem me queimar, Senhor

Não desista de mim, os Teus braços me alcançam
Não desista de mim, Tua doce voz me chama
Como corresponder à altura desse amor?
Mesmo assim, o Senhor desce ao nível desse pecador
Vem me resgatar, Senhor

Por medo de sofrer, neguei Te conhecer
Distante, Te segui, mas tive que ceder
Minhas fraquezas só denunciaram Teu amor e o Teu poder

Agora o que me importa é Te obedecer
O que chamei de morte, pra mim, hoje é viver
Tu és a pedra principal que o mundo rejeitou
Sou fragmento desse amor, fragmento desse amor

Não desista de mim, os Teus braços me alcançam
Não desista de mim, Tua doce voz me chama
Como corresponder à altura desse amor?
Mesmo assim, o Senhor desce ao nível desse pecador

Não desista de mim, os Teus braços me alcançam
Não desista de mim, Tua doce voz me chama
Como corresponder à altura desse amor?
Mesmo assim, o Senhor desce ao nível desse pecador
Vem me resgatar, Senhor

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir
Composição: Anderson Freire. Essa informação está errada? Nos avise.
Enviada por Ronaldo. Legendado por Júlia. Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais posts