exibições 1.464

Não balancei meu maracá
só soltei a voz no vento
querendo te avisar
Amor, ai meu amor
tu que tens cheiro de rosa
És de toda perfumosa
me banha com teu olhar.
Eu não vou lembrar
um amor antigo
nem vivo triste a chorar.
Lamento, não o sofrimento
me lembro do teu falar
que tem a força da água
batendo na beira-mar
no coração de quem ama
sempre tem uma esperança
que faz os olhos falar.

(Cd's: "Gente da nossa terra" e "Arrastão do Pavulagem"

Add a playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir