Me perco
Pelas noites e dias
Me acho
Nos becos sem saída
Dos bares
Bebo o vinho
Que faço
Com minha vida

E vejo o que queria ver
Sou o que queria ser
Quando penso demais
Bebo mais
Até ficar capaz
De me enxergar de novo

O meu amor
É doce e pesado
Como eu
Já fui um dia
Esse amor
É doce e incerto
Como meu passado
Como o vinho ao meu lado

E vejo o que queria ver
Sou o que queria ser
Quando penso demais
Bebo mais
Até ficar capaz
De me enxergar de novo

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir

Posts relacionados

Ver mais posts