exibições 10.231

Era uma vez uma pessoa comum
A fim de saber do bem e do mal
E que um dia sacou
Que o seu lado é o amor

Não aceita a violência
Cultiva, a consciência
E vive nessa magia
Em busca da sabedoria

Cósmica a claridade da manhã
Cósmica como o infinito lá no céu
Cósmica como toda a natureza
Brotou bem lá no fundo

Do seu pequenino mundo
O desejo de saber como é profundo viver
Da matéria ao espírito
Por mais que pareça esquisito
Cósmica é a sintonia espiritual
Prazer transcendental!

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir
Composição: Baby Consuelo. Essa informação está errada? Nos avise.
Revisões por 3 pessoas . Viu algum erro? Envie uma revisão.

Posts relacionados

Ver mais no Blog