Você diz que sim, mas faz sempre assim
Me dá um grande nó.
É bobão aqui, coçando alí, com cara de jiló.
Trabalhar dar meu suor, o patrão enriquecer.
Se não saio dessa lama, como porco vou viver.

Já é hora de mudar, o meu dia vai chegar.
Vou chutar o balde, esfolar o taco,
pra ninguém me encher o saco.


Só uma vez quero ser o Bad boy,
Só uma vez ser mau
Chega de ser sempre o bom rapaz
e sempre levar pau.
Só uma vez quero ser o Bad boy,
Sai que eu vou saltar
Sai pra lá, tô sem moral
Agora vou zoar.


Pra começar em grande estilo
Num boteco vou entrar.
Só vou sair de quatro com um litrão no braço
Como alemão brindar:Prost, Prost.

Vou sacanear Papai Noel e o Coelhinho
Nas orelhas vou dar nó.
Quando o saco do velhinho já estou grandinho.
Vou queimar vai virar pó.

Vou sacanear Papai Noel, o seu saco vou cortar.
E do Coelhinho vou pegar uns ovinhos
Adivinha onde vou enfiar?

Só uma vez aquero ser o Bad Boy...

vou pegar meu carro e pisar no talo
No quintal da vizinha quero entrar
Vou chamar de boiola o diretor da escola
Nunca mais quero estudar.

Quero ser no mundo como um vagabundo
O meu sonho é morar num bordel
E pra fechar legal dar um pé na bunda
[Na chata] da minha gata Isabel.

Só uma vez quero ser umBad Boy...

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir