Lá vem ele
Lá vem o tarado, o tarado da sé
De copo na mão e procurando mulher
Lá vem o tarado, o tarado da sé
De copo na mão e procurando mulher
Ele é perigoso na boa cantada
Ataca de noite e de madrugada
De dia ele some nem sei como é
Virou lobisomem o tarado da sé
Lá vem o tarado, o tarado da sé
De copo na mão e procurando mulher
Lá vem o tarado, o tarado da sé
De copo na mão e procurando mulher
Jamais imagina e nem examina
A boca do lobo de venta pra cima
Beijando o pescoço daquela menina
Ele é perigoso e passa por cima
Lá vem o tarado, o tarado da sé
De copo na mão e procurando mulher
Lá vem o tarado, o tarado da sé
De copo na mão e procurando mulher
Ele é perigoso na boa cantada
Ataca de noite e de madrugada
De dia ele some nem sei como é
Virou lobisomem o tarado da sé
Lá vem o tarado, o tarado da sé
De copo na mão e procurando mulher
Lá vem o tarado, o tarado da sé
De copo na mão e procurando mulher
Jamais imagina e nem examina
A boca do lobo de venta pra cima
Beijando o pescoço daquela menina
Ele é perigoso e passa por cima

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir
Composição: João Sales / Lourenço Gato / Luciano Padilha · Esse não é o compositor? Nos avise.
Enviada por Iolanda
Viu algum erro na letra? Envie sua correção.