Voltando um pouco até 96!
Tão novo que ninguém foi perceber,
Que desde os treze já não queria ter,
Que trabalhar de terno pra viver!

Na primeira chance, parou de estudar!
E saiu de casa, pra nunca mais voltar!

Sempre quis fugir, e se libertar,
Pra poder ser alguém!
Que não vai fingir e nem se enganar,
Ser livre pra sonhar!

Com o jeans surrado e o violão na mão,
E mil e uma noites que enfrentou!
Seguia firme sem ter noção,
De todo o suor que derramou!

Sua vida agora tem que continuar!
Pro seu sonho louco se concretizar!

Sempre quis fugir, e se libertar,
Pra poder ser alguém!
Que não vai fingir e nem se enganar,
Ser livre pra sonhar!

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir
Composição: Banda Fatale. Essa informação está errada? Nos avise.
Enviada por Vinicius. Revisão por Ana. Viu algum erro? Envie uma revisão.