A Voice In The Dark

Blind Guardian

exibições 24.238

A Voice In The Dark

A sense of denial
Come witness my trial
The crow has turned into a liar
I'll live, I may die
I've failed though I've tried
But finally I fly

It is the fool
Who puts faith in false saviors
The innocent understands
He's still falling

And furthermore
He's now aware
"Come spread your wings
Awake now"
The enemy within
Will soon appear

You're trapped in my mind
Ask for the key
Don't search for fine lines
There's no release

Though I can feel its presence
There's a sign to reveal
Then after all
I'm sure I'll keep on falling

They send a sign
When dead winter will come again
There from the ruins I will rise

Fear the voice in the dark
Be aware now
Believe in dark wings and dark words
The shadow returns
Fear the voice in the dark
Be aware now
Black shadows they hide and they wait
But they soon will return

It will never be the same
And nothing remains
I can't find a way
But I'm facing it
Oh there will be no savior

I can foresee all the pain
They are about to creep in
"Curse me, hate me, hurt me, kill me"
Oh they will rest no longer

"Paralyzed and frozen
Free your mind
You're broken
Paralyzed and frozen
Learn to roam
Don't look back"

On stunning fields of mayhem
I will find no relief
It's just a dream
I wish that I could tell you

The vision fades
There is no sanctuary
What will go up
Surely comes down

Fear the voice in the dark
Be aware now
Believe in dark wings and dark words
The shadow returns
Fear the voice in the dark
Be aware now
Black shadows they hide and they wait
But they soon will return

In vain
Still I don't understand
So talk to me again
Why do I fear these words?
What keeps holding me back?

I hear a voice
It comes from everywhere
"Now find a way
Cause you're the key
Begin to understand"

The descending ends
Now I know I won't fly again
On through the mist, I'm facing ground

Fear the voice in the dark
Be aware now
Believe in dark wings and dark words
The shadow returns
Fear the voice in the dark
Be aware now
Black shadows they hide and they wait
But they soon will return

Uma Voz Na Escuridão

Um senso de negação
Venha testemunhar meu julgamento
O corvo virou um mentiroso
Eu vou viver, eu posso morrer
Falhei embora tenha tentado
Mas finalmente voei

Esse é o tolo
Quem põe fé em falsos salvadores
O inocente entende
Ele continua caindo

E além disso
Ele agora está consciente
"Venha abrir suas asas
Acorde agora"
O inimigo ai dentro
Logo vai aparecer

Você está preso em minha mente
Pergunte pela chave
Não procure por linhas finas
Não tem saída

Embora eu sinta sua presença
Tem um sinal para revelar
Então, depois de tudo
Tenho certeza que continuo caindo

Eles mandaram um sinal
Quando o inverno da morte chegar
Das ruínas me levantarei

Tema a voz na escuridão
Fique ciente agora
Acredite em asas negras e palavras sombrias
As sombras voltaram
Tema a voz na escuridão
Fique ciente agora
As trevas se escondem e esperam
Mas elas logo voltarão

Isso jamais será o mesmo
E nada resta
Não consigo achar uma saída
Mas estou encarando isso
Oh, não haverá salvador!

Posso prever toda a dor
Eles dão arrepio
"Me amaldiçoe, me odeie, me bata, me mata!"
Oh, eles já não descansarão!

"Paralisado e congelado
Liberte sua mente
Você está quebrado
Paralisado e congelado
Aprenda a andar
Não olhe pra trás"

Nos assombrados campos de mutilação
Você não encontrará alívio
É apenas um sonho
Queria poder dizer isso

A visão enfraquece
Não há santuário
O que vai subir
Certamente cai

Tema a voz na escuridão
Fique ciente agora
Acredite em asas negras e palavras sombrias
As sombras voltaram
Tema a voz na escuridão
Fique ciente agora
As trevas se escondem e esperam
Mas elas logo voltarão

Em vão
Continuo eu sem entender
Então me diga de novo
Porque temo essas palavras?
O que me mantém aqui?

Eu ouço a voz
Ela vem de todo lugar
"Agora, procure uma saída
Porque você é a chave
Comece a entender"

Decrescendo das extremidades
Agora eu sei, não voarei novamente
Em meio da neblina, estou encarando o chão

Tema a voz na escuridão
Fique ciente agora
Acredite em asas negras e palavras sombrias
As sombras voltaram
Tema a voz na escuridão
Fique ciente agora
As trevas se escondem e esperam
Mas elas logo voltarão