As melhores músicas do Talking Heads, os precursores do new wave

Listas musicais · Por Rafaela Damasceno

17 de Abril de 2021, às 12:00

Não importa se você viveu os anos 70, 80, 90 ou se nasceu nos anos 2000. Certamente, você já ouviu algum hit do Talking Heads.

A banda, conhecida como a precursora do new wave, faz sucesso até hoje com o seu ritmo inovador.

Reconhecido como um dos grupos mais importantes e influentes do cenário musical, o Talking Heads tem várias músicas inesquecíveis e marcantes. Confira, a seguir, a nossa seleção com as melhores!

As melhores músicas do Talking Heads

Transitando entre o punk e o new wave, o Talking Heads é uma banda que conseguiu unir diversas influências para criar um estilo único, que até hoje é elogiado pelos fãs e pela crítica.

Psycho Killer

O grande sucesso do Talking Heads, que atravessou gerações, foi Psycho Killer. Assumindo o papel de um psicopata, David Byrne, o vocalista, soa bastante convincente em suas alucinações. 

Além da letra, a batida do baixo e o trecho de fa, fa, fa, fa, retirado da música Fa-Fa-Fa-Fa-Fa (Sad Song), de Otis Redding, compõem o clima sinistro e perturbador do hit. 

Vários artistas foram na onda da banda e gravaram as suas próprias versões da canção. Mas é claro que a melhor e mais emblemática continua sendo a original. Relembre:

Once In a Lifetime

Outro lançamento marcante da banda foi Once In a Lifetime, principalmente por seu estilo único. Com a inclusão de ritmos africanos ao estilo já conhecido do público, o Talking Heads foi elevado a um novo patamar de produção musical. 

Vale a pena ouvir de novo esse verdadeiro sucesso, gravado em 1980:

This Must Be The Place

Se você já assistiu ao filme Aqui É o Meu Lugar, com Sean Penn, talvez não se lembre, mas This Must Be The Place faz parte da trilha sonora. Mais do que isso: serviu de inspiração para o roteiro do longa, que é sobre um rockstar em decadência. 

Mas as curiosidades não param por aí. O próprio David Byrne faz uma participação especial na trama, interpretando ele mesmo. Ficou interessando? Sinta um gostinho:

Wild Wild Life

Lançada em 1986, Wild Wild Life é uma música contagiante, cheia de energia, e marca mais uma contribuição do Talking Heads para os cinemas. Dessa vez, o vocalista se arriscou como diretor de um longa, o True Stories.

Mesmo que você não tenha visto o filme, vale a pena ouvir a canção e assistir ao clipe, que ganhou um prêmio do MTV Movie Awards da época:

Burning Down The House

Um dos primeiros sucessos da banda foi Burning Down The House, gravado também na década de 80. Apesar do lançamento há mais de 30 anos, ele ainda é sucesso entre as novas gerações.

Esse reconhecimento voltou principalmente depois da música aparecer no anime Jojo Bizarre Adventures, na Parte VI: Stone Ocean. Ainda que você não curta desenho japonês, deve se lembrar dela:

The Lady Don’t Mind

Outro single famoso do Talking Heads é The Lady Don’t Mind, que traz todas as inspirações e influências rítmicas do grupo. A letra também é muito interessante, sobre uma mulher que não se importa muito com a opinião dos outros. 

Tudo isso é traduzido pelo clipe, que você confere agora:

Road To Nowhere

Já imaginou fazer uma viagem de carro ao som da banda? Para começar a sua jornada, Road To Nowhere é a melhor pedida! E a letra fala exatamente sobre uma estrada para o futuro, seguindo em frente e sabendo para onde ir. 

And She Was

Antes mesmo de dirigir filmes, David Byrne se arriscou na direção dos clipes do Talking Heads. Um deles foi o vídeo de And She Was.

A produção foi tão elogiada que está exposta atualmente no Museu de Artes de Nova York. Caso você ainda não tenha assistido, chegou a hora:

Take Me To The River

Uma das músicas mais conhecidas da banda, na verdade não foi escrita pelos seus integrantes. Take Me To The River é um cover de um sucesso antigo, do cantor americano de gospel e soul, Al Green. 

Mais uma prova de que o grupo adorava fazer misturas e composições inusitadas de ritmos e estilos. Confira o resultado:

(nothing But) Flowers

O último álbum lançado pelo Talking Heads foi Naked, de 1988. É dele o single (nothing But) Flowers. Com um ritmo gostoso de dançar e de ouvir a qualquer hora, a banda mostrou que ainda estava muito produtiva no final da carreira.

Sem falar no clipe, que é super moderno e visionário para o ano em que foi lançado. Veja:

Heaven

Apesar de optar por músicas agitadas, o grupo também tem algumas composições mais calmas. É o caso de Heaven, classificada por muitos críticos da época como “a calmaria depois de uma longa tempestade”.

Esse estilo pouco comum para o Talking Heads só mostra a sua versatilidade, ao transitar por vários estilos musicais. E o clipe também acompanha esse clima de tranquilidade:

Um pouco sobre a história da banda

O Talking Heads surgiu em Nova York, em 1974. Os seus integrantes originais, David Byrne, Chris Frantz e Tina Weymouth, eram alunos da Rhode Island School of Design e resolveram tocar e cantar músicas juntos.

Em 1975, começaram a ficar mais conhecidos ao abrir shows do Ramones. Foi nessa época que o tecladista Jerry Harrison se juntou ao grupo.

Talking Heads
Créditos: Divulgação

Dois anos mais tarde, o primeiro álbum foi lançado, com várias composições experimentais, misturando o punk rock com outros ritmos.

Nos anos seguintes, o Talking Heads chegou a lançar um CD por ano. A cada novo lançamento, novos experimentos musicais eram realizados pelos seus integrantes.

Ao mesmo tempo em que se dedicava à banda, David Byrne focava também em sua carreira solo.

Até que, em 1991, ele anunciou o fim do grupo e segue, até hoje, com a sua trajetória musical, como uma grande referência do rock experimental e criativo. 

Conheça as melhores bandas do new wave

A banda Talking Heads é considerada a precursora do new wave, um gênero musical que trouxe muitas inovações para a música produzida atualmente.

Agora que você já sabe quais são as melhores músicas do grupo, que tal conhecer as 12 melhores bandas do new wave, esse gênero colorido e irreverente

melhores new wave

Receba os melhores posts do blog em seu e-mail

Assine a newsletter gratuitamente e descubra mais sobre o mundo da música


Por favor, insira um e-mail válido.

Obrigado por assinar a nossa newsletter! 😊

Ops, rolou um erro na inscrição. Tente novamente mais tarde.