exibições 10.560

Lembra era a primeira vez que eu te via
No espelho a alegria de ter te encontrado era real
E batia no meu peito uma esperança
Meu canto tinha enfim um texto e um pretexto pra sair
Podia então sorrir, a paz estava lá
Não fazia mal, só queria o bem
Lembra quando eu jurei o meu amor com vontade de viver… lembra?

Lembra de quando eu te virei as costas
E zombei de tuas palavras
Hipocrisia era natural
É difícil desfazer-me da lembrança
Já não queria ser teu filho
Um brilho que eu mesmo apaguei
Deixei de te escutar, só ouvia a minha voz
Me fazia mal, parecia bom
Lembra quando eu pisei no teu amor com vontade de morrer… lembra?

Lembra dos pecados, da vergonha, e do medo de te olhar?
Lembra da solidão, do meu coração
Que ainda procurava em vão outra saída que não fosse o teu perdão?

Lembra daquele jovem dedicado, que depois se viu jogado
Hoje uma história sem final
Ele pede chance pra recomeçar a andar
Meu canto em branco pede texto e um pretexto pra voltar
Sangrando mas de pé, em busca dessa paz
Ontem fica o mal, hoje quero o bem
Apaga o que fui e me refaz com teu amor
Me criaste por amor… lembra?

Add a playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir