Foto do artista Carlos Lyra

O Descanso do Guerreiro

Carlos Lyra


Um caminho de coqueiro
Que da num ranchinho
Do interior
Um pomar e um canteiro
Donde vem um cheiro
Bom de fruta e flor
E sendo passarinheiro
Ouvir sem cativeiro
O pássaro cantor
E almoçar feijão tropeiro
Feito por mineiro
Que é de bom sabor
É o descanso do guerreiro
Que merece ter todo trabalhador

À sombra do abacateiro
A prosa com o caseiro
Que é conversador
A cigarra no terreiro
O galo no poleiro
A noite já chegou
E quando à luz do candeeiro
Com meu filho herdeiro
Dorme o meu amor
Meu violão seresteiro
Pelo mundo inteiro
Roga do Senhor
O descanso do guerreiro
Que merece ter todo o trabalhador

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir