Venham sem demora
Eu sou o cometa
Que vai logo embora

Eu sou o mascate
Eu sou barateiro
Vendo tudo a prazo
Eu detesto dinheiro

Minha Senhora, eis suas baixelas
Diretamente de Bruxelas
Senhorita, O Carmim da China
Para ruborizar sua face de menina

Eu sou o mascate
Sou o mercador
Renda pra Senhora
Na renda do Senhor

Três balaios de ungüentos
Carreteis de linhas, duzentos
E uma caixinha de sombra chinesa
Ali para a mocinha com cara de princesa

Eu sou o mascate
Sou bufarinheiro
Compro até alfinete
E vendo o mundo inteiro

Pílulas lilases, baratas e eficazes
E essências orientais
Para vossos banhos semanais

Eu sou o mascate
Eu sou varejista
Paguem quanto possam
Que eu entrego a vista

Façam vossas encomendas para o próximo trimestre
Que por enquanto só existe transporte terrestre
Dêem-me vossas listas com qualquer pedido
Que mulher não paga - só o marido

Eu sou o mascate
Eu já me vou
E o que eu vendo aqui

Me custou o dobro
Em Roma e Madri
Me custou o triplo
In London e Parrí.

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir