Ter que se iludir ao se encontrar
Com mecanismos de uma bruta ilusão
E não sentir o que é real
O que é viver, o que é ser
Se já não sente se ser
Drogado é ânsia de não ter querer
Pra que fugir
Se os problemas
Sempre vão amanhecer com você
E não tem fim

Droga, de só querer usar mais drogas
Há tanta coisa pra saber
São tantos rumos pra tomar
São tantas provas pra vencer
Mas como se você
Tem uma seringa e precisa se esconder
Pra não enfrentar
A covardia sempre vai te perturbar
Vai acabar com você

O que é ser
Se já não sente se ser
Drogado é ânsia de não ter querer
Pra que fugir
Se os problemas
Sempre vão amanhecer com você
E não tem fim

Vai acabar com você

Adicionar à playlist Tamanho Cifra Imprimir Corrigir

Posts relacionados

Ver mais no Blog